Meire Moreira

dailyzenlist:

1. Find three hobbies you love: one to make you money, one to keep you in shape, and one to be creative.

2. Getting a degree matters, but getting the right degree matters even more.

3. Leave every job you have on good terms. Do not burn your bridges.

4. See the world while you still don’t have…

dailyzenlist:

1. Find three hobbies you love: one to make you money, one to keep you in shape, and one to be creative.

2. Getting a degree matters, but getting the right degree matters even more.

3. Leave every job you have on good terms. Do not burn your bridges.

4. See the world while you still don’t have…

Quem cria tem que durmi
Pensar bem no passado
De tudo ser bem lembrado
Jirar o juizo como loco
Ter a voz como um pipoco
Ter o corpo com energia
Ler o escudo do dia
Conservar uma oração
Fazer sua oração
Ao deus da puizia.

Deve durmi muito sêdo
Muito mais sêdo acordar
Muito mais tarde sonhar
Muito afoito e menos medo
Muito onesto com segredo
Muito menos guardar
Muito mais revelar
Pra ter mais soberania
Muito pocas covardia
Não durmi para sonhar

Mestre Galdino

Chazim

Pegue uma laranja, de preferência orgânica, e lave muito bem a casca.

Descasque-a e ponhe a casca para secar num ambiente livre de umidade por 24-48 horas. 

Quando a casca estiver secar, ferva essa casca com 10 cravos-da-índia em um litro de água por cinco minutos e tome durante o dia. 

visual-poetry:

»my hell« by david shrigley (+)

visual-poetry:

»my hell« by david shrigley (+)

Falas de trabalhar a aceitação, sem aceitar algo tão natural como o tempo, as estações, a chuva, o frio, o calor, o vento e a nuvem.
Pedes por abundância, menosprezando o ar, a água, o nascer do sol, a saúde, o abrigo, a comida, a vida e o tempo que ainda… vais tendo.
Sonhas com amor, temendo.
Anseias por mudança, por transformação, adiando a troca da lâmpada do candeeiro.
Desejas calma, engolindo a comida em duas dentadas.
Planejas grandes coisas para o tempo distante, adiando as pequenas ações, no tempo presente.
Procuras por satisfação, com a insatisfação.
Valorizas o que custa, realizado em sacrifício, menosprezando o que é te é dado de forma fácil, pois não lhe consegues reconhecer o mérito ou valor.
Queres viajar um dia para aquela terra distante, observando pelos anos aquele monte logo ali..
Encantas-te com os óculos de sol Prada com 50% de desconto, que te ficaram por apenas 60€ e reclamas do preço da massagem e um livro que custa 20.
E enquanto assim, permaneces no aquém, do eterno insatisfeito.
Sempre em luta para garantir o futuro, adiando o presente, a dádiva permanente.
Até aquele dia em que despertas e simplesmente sorris …sentes a chuva como uma bênção, vestes o casaco perante o frio, pisas merda estando calçado e entendes que não tendo tudo aquilo que ambicionas, ainda assim recebes imensamente mais do que dás.
Cai-te tudo, entras em fluxo, a tua vida emana da fonte inesgotável, e em cada momento brotas um pouco mais.

Vasco Daniel